Japão em xeque.

3 02 2009
Manifesto pedindo mundanças na lei trabalhista.

Manifesto pedindo mundanças na lei trabalhista.

Esta semana estou cumprindo os últimos dias de aviso prévio na fábrica onde trabalho, em razão da crise, todos os brasileiros que trabalham nessa fábrica foram cortados.

A realidade é que o Japão como um todo está sofrendo com a crise, um país que não produz nada além de tecnologia, eletrônica e automobilística, entrou em recessão no momento que o mundo parou de comprar.

Não foi fácil para a fábrica onde trabalho tomar essa decisão, pois um funcionário, que levou anos para aprender tudo que sabe, também é um investimento, pois não é o tipo de trabalho que a pessoa chega, e em uma semana já se torna produtiva, leva-se tempo para aprender a lidar com os robôs e as máquinas computadorizadas. E é justamente por isso que ainda não haviam tomado essa decisão, pois ainda havia uma certa expectativa de melhora para o próximo ano fiscal.

Mas no final das contas chegou-se à conclusão que a crise vai demorar alguns anos para passar, os mais otimistas dizem 2 anos, os mais pessimistas falam de 4 a 5 anos, mas na verdade ninguém sabe ao certo.

E o Japão se depara hoje com a maior taxa de desemprego de toda sua história, centenas de milhares de pessoas que trabalhavam nas empresas, que hoje mostram prejuízos nunca vistos, não tem nehuma perspectiva de recolocação no mercado de trabalho, alguns por imperícia técnica, outros devido a idade e outros pela saturação do mercado de trabalho na região onde vivem.

E agora? Com uma economia engessada e uma massa de desempregados cada vez maior, o governo do Japão será obrigado a tomar alguma providência, eu digo “tomar” porque ainda não se vê nenhum movimento concreto nesse sentido, pelo contrário, o governo fala de aumento de impostos, algo que está sendo duramente criticado, por estar totalmente fora da realidade atual. Não sei ao certo, mas nas eleições que serão feitas em abril, me parece que o atual primeiro-ministro será provavelmente deposto, e que o partido que hoje tem a maioria não conseguirá eleger seus candidatos.

À nós pobres mortais, só resta esperar, e acreditar que os grandes líderes mundiais dêem um jeito nesse caos que a economia globalizada se tornou.

Anúncios

Ações

Information

2 responses

1 08 2009
Adriano Dal Bosco

Eu não consigo nem imaginar como está a situação por aí, mas a foto me chamou atenção. Eu daria o seguinte conselho: “tenha cuidado com os comunistas”. O Partido Comunista do Japão é traiçoeiro.

1 08 2009
Dan

A situação ainda está muito ruim, mas parece que aos poucos as coisas estão entrando nos eixos, quanto ao partido comunista japonês, eles são iguais em qualquer lugar do mundo, latem muito mas não mordem.

Valeu pelos comentários, um abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: